Olá, leitores!

Confira todos os post anteriores: Clique Aqui!

Para o primeiro Vida Literária deste espaço aconchegante, trago à baila o assunto assinatura literária, que, ultimamente, tem sido minha maior paixão. Nós, leitores, quando o assunto é livros, somos deveras exigentes, sempre buscando o melhor papel, a melhor tradução, livros com textos de apoio, contexto histórico, e, CLARO, menor preço. No entanto, infelizmente, esse combo mágico nem sempre acontece. As assinaturas literárias estão com a proposta de tapar esta lacuna e nos apresentar este tão sonhado e desejado combo.

Como leitor, sempre após uma leitura, procuro buscar referência na internet e me aprofundar sobre o conteúdo lido. Aconteceu, e muito, na leitura de O Ateneu. Ler este indispensável livro da literatura nacional sabendo em que contexto Raul Pompéia estava, qual era a sociedade da época, qual a sua trajetória de vida, influenciou completamente a minha visão e entendimento sobre o livro. É preciso confessar, há momentos em que a pesquisa requer muita perseverança, pois na internet acha-se de tudo, das verdades inexoráveis às mais tristes e falaciosas notícias, e, no fim, sempre terá que ter, no mínimo, um pouco de confiança na fonte. Irei falar, ao longo do tempo, um pouco sobre algumas assinaturas literárias que estão no mercado. A primeira que irei falar e a única que eu atualmente sou assinante é a Tag Experiências Literárias.

TAG Experiências Literárias:

Foto do Kit de Setembro de 2016.

Foto do Kit de Setembro de 2016.

Em meados de 2015, conheci algo, que, por muitos motivos, me cativou. O projeto, o qual foi criado pelos ex-estudantes de administração de Porto Alegre Gustavo Lembert, Arthur Dambros e Tomás Susin, atualmente, possui dois modelos de assinatura: mensal e trimestral. Os idealizadores vêm com a ideia, a meu ver, muito inteligente. Primeiro eles dão dicas de quais livros virão na próxima caixinha sem dizer qual livro é, e isso, sem dúvida, mexe muito com a nossa curiosidade. Por muitos meses tive que me controlar para não olhar no Instagram as fotos de pessoas que obtiveram os kits primeiro do que eu. É importante dizer, o livro é indicado por um curador, que é alguém normalmente importante no cenário literário, ou não rs. Lembram-se das pesquisas? Então, o kit vem com uma revistinha informativa, e, sério, é incrível, além de ser um ótimo ponto de partida para o nosso aprofundamento. Por fim, o kit vem com algo chamado de “mimo”, que é uma lembrança relacionada ao livro.

Mimos do mês de Janeiro de 2016 e Novembro de 2015.

Mimos do mês de Janeiro de 2016 e Novembro de 2015.

A TAG experiências literárias ainda nos oferece os kits anteriores à nossa assinatura para comprar, dar de presente, e, algo que é muito importante, o relacionamento e o atendimento com cliente são de qualidade. Para elucidar o mencionado vou dar o exemplo que aconteceu comigo. Em janeiro de 2016 foi enviado a nós o kit com o livro O Seminarista, do Rubem Fonseca, e, infelizmente, meu livro veio com as páginas descolando, tirei algumas fotos e mandei por e-mail para a central de atendimento, que prontamente me atendeu, foram muito atenciosos e me enviaram um novo livro. Enfim, esta é uma ótima dica de assinatura literária. Um grande abraço e até a próxima!

Gostou do conteúdo?

Comente, será um imenso prazer conversar com você!

Quer que mais pessoas saibam do assunto? Compartilhe, pois me ajudará muito!

Quer me indicar livros, elogiar, sugerir ou criticar? Envie um e-mail para contato@vidaliteraria.net!

Siga-me também nas redes sociais para ficar por dentro das novidades.